Blog

Matchá, Benefícios em um só Chá!

O novo “queridinho” da saúde chega a Linea Verde Alimentos, trazendo muitos benefícios para quem leva o bem estar para o seus clientes. Este chá originário do Japão, há mais de 800 anos, vem sendo considerado o novo super alimento no mercado de produtos naturais. Extraído da mesma planta que se origina o chá verde, vermelho e branco (Camellia sinensis), é considerado, dentre estes, o mais puro e nobre dos chás.

Sua produção consiste na proteção das folhas, coibindo a presença de luz, para que elas não sofram nenhuma ação de agentes externos, garantindo que a planta mantenha todos os seus nutrientes ainda mais concentrados como as vitaminas, os minerais e antioxidantes.

Possui um sabor agradável e diversos benefícios:

  • Possuí efeito diurético, evitando a retenção de líquidos e o inchaço. Ótimo desintoxicante.
  • Diminui o apetite, pois proporciona a sensação de saciedade, e também devido a presença do antioxidante EGCG (epigalocatequina) e CCK (colecistocinina), que é responsável por encaminhar ao cérebro a informação de que o estômago está cheio.
  • Melhora o humor, pois possui em sua composição o L-Teanina uma aminoácido considerado psicoativo por possuir propriedades neuroprotetoras.
  • Previne o envelhecimento precoce e doenças, devido ao seu alto poder antioxidante, que é maior que o chá verde, quando comparado, combate o estresse oxidativo corporal e mental.
  • Fortalece o sistema imunológico, fornece quantidades significativas de vitaminas e minerais.
Dicas de uso: 

Pode ser utilizado para produção de pães, biscoitos, tortas, panquecas, massas em geral, sorvetes, sucos, vitaminas e chás.

Fonte: Daniela Dias
Nutricionista CRN8- 8162- Linea Verde Alimentos LTDA.

Referências Bibliográficas:

Ashida H, Furuyashiki T, Nagayasu H, Bessho H, Sakakibara H, Hashimoto T, et al. Anti-obesity actions of green tea: possible involvements in modulation of the glucose uptake system ans suppression of the adipogenesis-related transcription factors. Biofactors. 2004; 22(1-4): 135-40.

BIANCHINI, M. L. P.; ANTUNES, L. M. G. Radicais livres e os principais
antioxidantes de dieta. Revista de Nutrição, Campinas, v. 12, n. 2, p. 123-130,
maio/ago. 1999.

Camargo MCR, Toledo MCF. Teor de cafeína em cafés brasileiros. Ciênc Tecnol Aliment.1998; 18(4): 421-4.

FARIA, F. et al. Consumo de Camellia sinensis em população de origem oriental
e incidência de doenças crônicas. Revista de Nutrição, Campinas, v. 19, n. 2, p.
275-279, mar./abr. 2006.

Filho MB, Rissin A. A transição nutricional no Brasil: tendências regionais e temporais. Cad Saúde Pública. 2003; 19(Supl.1):S181-S91.

FREITAS, H. C. P; NAVARRO, F. O chá verde induz o emagrecimento e auxilia no
tratamento da obesidade e suas comorbidades. Revista Brasileira de Obesidade,
Nutrição e Emagrecimento, São Paulo, v. 1, n. 2, p. 16-23, mar./abr. 2007

Tags:

Alguns produtos Linea Verde

Você também pode se interessar:

Menu