Pimenta rosa

PIMENTA-ROSA
Os pequenos frutos das aroeiras Schinus molle (de folhas pontiagudas, originária do Peru) e Schinus terebinthifolius (originária do Brasil) da família das das anacardiáceas, guardam como semelhança com a pimenta-do-reino apenas o formato, o tamanho e o aroma. Mas em nada lembra sua pungência. Ao contrário, é até adocicada. Apesar do nome, a planta não tem nenhum parentesco com a pimenta-do-reino ou qualquer outra especiaria picante.

BENEFÍCIOS:

  • Efeito anestésico, anti-inflamatório e microbiano;
  • Diminui a formação de coágulos no sangue;
  • É vasodilatadora contribuindo assim para uma boa circulação sanguínea;
  • Possui 6 vezes mais vitamina c que a laranja aliviando sintomas de gripes.


DICAS DE CONSUMO: 
pode condimentar tanto pratos salgados como pratos doces. Exerce um belo efeito decorativo dado pela cor vibrante. Combina com pratos a base de peixes, aves, queijos, verduras e frutas. Pode ser misturada com pimenta-do-reino branca, verde e preta.

VARIEDADES: Grão

REVISADO: Daniela Dias-Nutricionista CRN8:8162-Linea Verde Alimentos LTDA.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

http://corpoacorpo.uol.com.br/dieta/nutricao/conheca-os-beneficios-da-pimenta-rosa/5039#

http://come-se.blogspot.com.br/2010/06/pimenta-rosa-branca.html

 

 


Produtos Relacionados