1. Início
  2. /
  3. Chás e Ervas
  4. /
  5. Pau Tenente

Pau Tenente

A Quassia amara, também conhecida com Pau tenente, foi a primeira espécie registrada na literatura em 1835, identificando a existência de substâncias com sabor amargo na madeira originária das Guianas Francesa. Esta planta deriva seu nome de um habitante do Suriname chamado Quassi, que em meados do século XVIII, tornou-se famosa por tratar febres difíceis.

Conhecido pelos princípios amargos da casca do caule utilizados pela sua propriedade tônica pelos nativos da América do Sul e Costa Rica, contra algumas moléstias. Os quassinóides presentes apresentam uma vasta gama de atividades biológicas.

PROPRIEDADES TERAPÊUTICAS: fortalecedor hepático, cólica hepáticas, debilidade em geral, diarreia, dietas de emagrecimento, distúrbios gastrintestinais, infecções, má digestão, parasitas intestinais, aumenta secreção gastrintestinal, tônico, aperiente, constipação, em casos de anemia.

DICAS DE CONSUMO: utilizar 2 colheres de sopa para cada um litro de água. Cozinhe por cerca de 10 minutos.  Ao iniciar a ebulição, retire do fogo e deixe repousando, deixe tampada, por 10 minutos. Coe e está pronto para o uso.

FONTE: Daniela Dias –Nutricionista CRN8:8162
Linea Verde Alimentos LTDA.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

ALMEIDA, Maria Mozarina Beserra et al . Ocorrência e atividade biológica de quassinóides da última década. Quím. Nova,  São Paulo,  v. 30,  n. 4, ago.  2007 .

BADILLA, Beatriz et al . Actividad gastrointestinal del extracto acuoso bruto de Quassia amara (Simarubaceae). Rev. biol. trop,  San José,  v. 46,  n. 2, jun.  1998.

http://caldeiraodeplantasmedicinais.blogspot.com.br/2011/06/pau-tenente.html

http://medicinadanatureza.wordpress.com/

Mais produtos!

Picão
Parapiroba
Menu