Lentilha

A lentilha (Lens. culinaris) pertence à família Leguminosae e originou-se provavelmente na Índia e na Ásia Central.

Categoria: Tag:

Descrição

A lentilha (Lens. culinaris) pertence à família Leguminosae e originou-se provavelmente na Índia e na Ásia Central.

É considerada uma importante fonte de carboidratos complexos, proteínas, fibras, e de vitaminas e minerais.

É rica em ferro, o qual contribui para o crescimento das crianças e adolescentes, como também para o desenvolvimento do bebê na gravidez.

A deficiência de ferro é o distúrbio nutricional mais comum no mundo, segundo a Organização Mundial de Saúde. Não obtendo ferro suficiente em uma dieta, os estoques podem se esgotar e comprometer também a energia, o que provoca letargia, como outros problemas.

A lentilha é um alimento pequeno mas com grande complexidade nutricional. É possível encontrar alguns tipos de lentilha no mercado que se diferenciam pela coloração: verdes, louras, vermelhas ou castanhas, negras e laranjas.

BENEFÍCIOS:

  • Auxilia no bom funcionamento do sistema imunológico;
  • Contribui para a saúde cardiovascular, devido a vitamina B6 e o magnésio;
  • Regula os níveis de açúcar no sangue;
  • Previne patologias digestivas;
  • Contribui para manutenção do peso;
  • Melhora a circulação sanguínea e oxigenação dos tecidos.

DICAS DE CONSUMO: pode ser empregada em saladas, sopas, refogados, cozidos e pratos recheados, croquetes.

FONTE: Daniela Dias-Nutricionista- CRN8:8162
Linea Verde Alimentos LTDA.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

COSTA, G. E. A. Correlação entre valor nutritivo e teores de fi bra alimentar e amido resistente de dietas contendo grãos de ervilha (Pisum sativum L.), feijãocomum
(Phaseolus vulgaris L.), grão-de-bico (Cicer arietinum L.) e lentilha (Lens culinaris Med.). 2005.

GIORDANO, L. de B.; PEREIRA, W.; LOPES, J.F. Cultivo da lentilha. Brasília: Embrapa-CNPH, 1988. 3p. (Instruções Técnicas, 9).

Menu