Linhaça Marrom

Originária da Ásia, a linhaça marrom (Linum usitatissimum L) é produzida nos países do hemisfério norte, de clima mais quente, assim como no Brasil.

Categoria: Tags: ,

Descrição

Originária da Ásia, a linhaça marrom (Linum usitatissimum L) é produzida nos países do hemisfério norte, de clima mais quente, assim como no Brasil.

Considerada um alimento funcional, é rica em fibras, ácidos graxos essenciais – Omega, 3, 6, 9 – e lignanas (fitoesteróis), substâncias que se assemelham aos hormônios auxiliando na reposição hormonal, combatendo os sintomas da TPM e menopausa, tem ação anti-inflamatória, antioxidante, reduz o colesterol (LDL e triglicerídeos), equilibra os níveis de açúcar no sangue, melhora o trânsito intestinal e evita a prisão de ventre.

* não há diferenças nutricionais significativas entre a linhaça marrom e a dourada.

VARIEDADES: farinha e sementes.

FONTE: Daniela Dias – Nutricionista CRN8- 8162
Linea Verde Alimentos LTDA.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Grotto, D. W. 101 Alimentos que podem salvar sua vida. Larousse 1ª ed, SP, 2008.

Pan, A. et al., Meta-analysis of the effects of flaxseed interventions on blood lipids. Am J Clin Nutr. 90:288–97 2009.

Almeida, K. C. L. et al., A linhaça (Linum usitatissimum) como fonte de ácido α-linolênico na formação da bainha de mielina. Rev. Nutr., Campinas, 22(5):747-754, set./out., 2009.

Cordeiro, R. et al., Semente de linhaça e o efeito de seus compostos sobre as células mamárias. Revista Brasileira de Farmacognosia 19(3): 727-732, Jul./Set. 2009.

Menu