Feijão Branco

O feijão branco (Phaseolus vulgaris), pertence a família Fabaceae, é famoso por ser rico em uma substância chamada faseolamina, uma glicopreteína (um oligossacarídeo + um polipeptídeo).

Categoria: Tags: ,

Descrição

O feijão branco (Phaseolus vulgaris), pertence a família Fabaceae, é famoso por ser rico em uma substância chamada faseolamina, uma glicopreteína (um oligossacarídeo + um polipeptídeo). Ele é amplamente consumido pela população, e constitui a base alimentar da maioria dos brasileiros, possui excelente fontes de carboidratos, proteínas, vitaminas do complexo B e o ferro.

BENEFÍCIOS:

  • A faseolamina, é capaz de retardar e diminuir a absorção do carboidrato, contribuindo para auxiliar na diminuição das calorias totais;
  • Ideal para diabéticos, pois diminui a absorção da glicose;
  • Aumenta a saciedade;
  • Melhora a ação intestinal;
  • Ideal para o consumo de gestantes, devido as suas vitaminas e minerais;
  • Fornece energia tanto mental, quanto física.

DICAS DE CONSUMO: pode ser utilizado em saladas, em feijoadas brancas, em forma de farinhas.

FONTE: Daniela Dias-Nutricionista CRN8- 8162 Linea Verde Alimentos LTDA.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:
FROTA, K. M. G.; MORGANO, M. A.; SILVA, M. G.; ARAÚJO, M. A. M.; MOREIRAARAÚJO, R. S. R. Utilização da farinha de feijão-caupi (Vigna unguiculata L. Walp) na elaboração de produtos de panificação. Ciência e Tecnologia de Alimentos, Campinas, v. 30, p. 16-22, 2009.

MOLZ, S. Efeito hipolipemiante da farinha de feijão branco (Phaseolus vulgaris) em camundongos
hiperlipidêmicos-Saúde Meio Ambient. v. 3, n. 2, p. 44-52, jul./dez. 2014 ISSN 2316-347X

Nakaguehi, T. et al., Structural Characterization of an a-Amylase Inhibitor from a Wild Common Bean (Phaseolus vulgaris): Insight into the Common Structural Features of Leguminous a-Amylase Inhibitors. J. Biochem. 121, 350-354 1997.

Pereira, L. L. S. et AL., Precipitação do Inibidor de α-Amilase de Feijão Branco: Avaliação dos métodos. Alim. Nutr., Araraquara v.21, n.1, p. 15-20, jan./mar. 2010.

Tucci et al.,The role of lipid and carbohydrate digestive enzyme inhibitors in the management of obesity: a review of current and emerging therapeutic agents. Diabetes, Metabolic Syndrome and Obesity: Targets and Therapy. (3) 2010.

Menu